Sobre Sismet

Sobre

Sistema para o Monitoramento Agro-energético da cultura do Café, no âmbito da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé Ltda)

Este projeto é uma iniciativa conjunta entre Feagri-Nipe/Unicamp e Cooxupé com apoio do GAS/Unesp-Jaboticabal e Embrapa/Informática para o desenvolvimento de um projeto abordando 3 aspectos básicos baseados em necessidades da Cooperativa:

  1. Monitoramento agrometeorológicos e integração de dados em plataforma Web (SISMET)
  2. Estimativa de produtividade
  3. Aproveitamento energético de resíduos

O projeto foi financiado pela Fapesp dentro do programa PITE* (Processo 2013/50921-5) e co-financiado pela Cooxupé.

Sob o ponto de vista da Cooperativa todas as operações envolvendo a cadeia de processamento do café desde o monitoramento ao processamento dos grãos leva em consideração muitas operações e decisões nos diversos níveis de gerenciamento. Desta maneira quanto mais informações forem produzidas a respeito dos processos de produção e tratamento dos grãos, melhores serão as decisões. Por isto, este projeto tem como objetivo criar um banco de dados espaciais com dados de sensores orbitais, estações meteorológicas e dados de campo para subsidiar os gestores da Cooxupé na avaliação de safras e acompanhamento da cultura assim como no aproveitamento dos resíduos gerados nos processos para fins de geração de energia limpa. Este banco de dados permitirá que informações sejam também visíveis, na WEB, para os associados criando ferramentas que possam embasar os agricultores nas suas decisões diárias, já que 80% destes, são pequenos produtores.

O projeto é dividido em duas partes: uma científica e outra operacional. A parte científica tem como objetivo responder algumas questões que atendam aos requisitos da Cooperativa focando no monitoramento da cultura, na estimativa de produtividade e no aproveitamento dos resíduos. Serão ferramentas que poderão dar apoio à Cooperativa otimizando decisões estratégicas e diárias. Vários modelos agrometeorológicos e agrometeorológicos-espectrais serão incorporados no sistema permitindo estimações de produtividades no nível municipal.

A parte operacional estará fundamentada na geração de boletins, que serão disponibilizados no SISMET, contendo informações relacionadas à cultura e às condições meteorológicas. As informações estarão disponíveis para cada estação meteorológica atualizadas em tempo real, como também informações já espacializadas em mapas.

O portal de meteorologia da Cooxupé (SISMET) fornecerá informações meteorológicas atualizadas de cada região cooperada, desde o sul de minas até o cerrado. Essas informações permitirão, por exemplo, a estimação se o café já tem condições para florescer e se já atingiu o ponto de colheita. Permitirá também que a comunidade receba alertas diversos como geadas.

Logo Sismet
Equipe do Projeto Participante Instituto/Empresa
Pesquisador - Engenheiro Agrônomo Coordenador Éder Ribeiro dos Santos Cooxupé
Pesquisador – Atuação SIG/Sensor. Remoto Jansle Vieira Rocha Unicamp-Feagri
Pesquisador – Atuação SIG/Sensor. Remoto-Coordenador Rubens A. C. Lamparelli Unicamp-Nipe
Pesquisador - Energia Mauro Berni Unicamp - Nipe
Pesquisador – DR Pós-Graduação Rafael Carlos Bispo Unicamp - Feagri
Pesquisador – Modelagem Agrometeorológica Glauco de Souza Rolim GAS/Unesp - Jaboticabal
Pesquisador - DR Lucas Eduardo de Oliveira Aparecido GAS/Unesp - Jaboticabal
Pesquisador – Atuação SIG/Sensor. Remoto Júlio C. D. M. Esquerdo Embrapa Informática
Cientista da Computação - Geração dos Boletins e Automatizações Nilva Alice Gaspar Cooxupé

Logo Cooxupé
Logo Unicamp
Logo Unesp


Logo Embrapa

Logo Unesp

* O Programa de Apoio à Pesquisa em Parceria para Inovação Tecnológica (PITE) destina-se a financiar projetos de pesquisa em instituições acadêmicas ou institutos de pesquisa, desenvolvidos em cooperação com pesquisadores de centros de pesquisa de empresas localizadas no Brasil ou no exterior e co-financiados por estas. O Programa tem como objetivo intensificar o relacionamento entre universidades/institutos de pesquisa e empresas, por meio da realização de projetos de pesquisa cooperativos e co-financiados. (Página original: PITE-FAPESP)

As opiniões, hipóteses e conclusões ou recomendações expressas neste material são de responsabilidade do autor(es) e não necessariamente refletem a visão da FAPESP.