Inicial

Atenção

Os mapas de distribuição de chuva estão disponíveis até março de 2019 para o Sul de Minas e Cerrado. Acesse e confira!

Destaques

Acompanhe os principais acontecimentos meteorológicos dos últimos dias:

Chuva (mm)

Municípios 18/04/19 19/04/19 Acumulado Mensal Histórico Mensal
Alfenas 0,2 0,2 109,8 64,2
Alpinópolis 0,0 0,0 50,0
Cabo Verde 0,2 0,4 202,8 75,5
Caconde 0,4 0,4 175,4 77,5
Campestre 0,0 0,0 167,0 81,0
Coromandel 0,2 0,0 126,0 87,9
Guaxupé 0,4 --- 195,8 79,8
Monte Carmelo 0,4 0,0 58,8 79,4
Monte Santo de Minas 0,2 0,0 174,0 83,9
Nova Resende 0,2 0,0 165,2 88,7
São José do Rio Pardo 0,2 0,2 190,2 83,4
Serra do Salitre 0,0 0,0 129,8 83,3

Observação: Os valores referentes ao dia de hoje são atualizados a casa 15 minutos.

  • O clima constitui-se em fator decisivo, que pode influenciar o planejamento operacional e os resultados obtidos no campo. Sob o ponto de vista físico, os defensivos aplicados em meio aquoso sobrem influência tanto da Temperatura como da Umidade Relativa. Assim, a velocidade de evaporação dobra-se:
    • a UR cai de 95 para 85% ou a UR cai de 85 para 70% ou a UR cai de 70 para 45%; a temperatura sobe de 10 para 20ºC ou a temperatura sobe de 20 para 30ºC;
    • Se a temperatura está entre 19 e 24°C e a Umidade Relativa maior que 70%, verificam-se condições adequadas à pulverização;
  • Se a temperatura está acima de 28ºC e a Umidade Relativa abaixo de 55%, não devem ser realizadas pulverizações.
    • Crescimento vegetativo: até aproximadamente 12 meses de idade, a temperatura ideal é de 30 ºC durante o dia e 23 ºC à noite. Após os 18/20 meses de idade, a temperatura ideal passa a ser de 23 ºC durante o dia e 17 ºC à noite;
    • Sistema radicular: a temperatura ideal está entre 24 a 27 ºC, acima de 33 ºC é prejudicial;
    • Fotossíntese: em torno de 24 ºC, as condições são ideais, reduzindo-se 10% a cada acréscimo de grau e tornando-se praticamente nula aos 34 ºC;
    • Florescimento: semelhante ao crescimento, a temperatura ideal é de 23 ºC durante o dia e 17 ºC à noite. Aos 30 ºC de dia e 23ºC à noite, não ocorre florescimento, ou o mesmo é bastante reduzido.
  • Temperatura de Ponto de Orvalho (Tpo)
    • Temperatura necessária para que a umidade existente no ar se converta em orvalho. (Ex: 85 g de vapor d´agua em 100 g de ar não se condensam a 25 ºC, mas esta mesma quantidade de vapor d´agua se condensará a 7 ºC. Nestas condições, a temperatura do ponto de orvalho é de 7 ºC). Se a Tpo estiver próxima ao valor da temperatura no final da tarde, há forte indício de neblina ou geada. O valor da Tpo no final da tarde (+ ou - 18:00h), nos indica a temperatura mínima que deverá ocorrer durante a noite. Quando o valor da Tpo estiver próximo a 2ºC, há indícios de possibilidade de geadas.
  • Chuva
    • Cada 1 mm de chuva equivale a 1 litro de água por m² de solo.
  • Evapotranspiração (ET)
  • É o termo utilizado para indicar a quantidade de água perdida pelo solo através da evaporação e pela planta através da transpiração.
    • Evapotranspiração potencial: É a quantidade de água perdida para a atmosfera por unidade de tempo, considerando uma superfície natural, totalmente coberta por vegetação baixa, em fase de crescimento ativo, com altura uniforme e teor de umidade do solo próximo da capacidade de campo.
  • Evapotranspiração real: É a quantidade de água perdida para a atmosfera por unidade de tempo, na ausência de uma das condições citadas acima.
  • Aptidão térmica para o cafeeiro
  • Temperatura anual média ºC.  Faixas de Aptidão para o Cafeeiro  Espécie “Arábica  Robusta”:
    • Ideal 19 a 22 23 a 25
    • Apta 18 a 23 22 a 26
    • Inapta menor que 18 ou maior que 23 menor que 22 e maior que 26
  • Umidade Relativa
    • É a relação entre o teor de vapor d´agua que o ar contém e o teor máximo que poderia conter a temperatura ambiente.
  • Graus-dia
    • É a quantidade de energia que houve à disposição da planta em cada dia. Um grau-dia de calor equivale à quantidade de calor que a planta acumula quando a temperatura permanece um grau acima da temperatura basal da planta por 24 h.
  • Vento
    • A velocidade do vento influencia significativamente o resultado dos tratamentos via pulverização. Normalmente observa-se que durante as primeiras horas do dia a velocidade do vento é baixa e a partir das 10:00 h se eleva, voltando a cair após as 17:00 h. Não é recomendável pulverizar com velocidade do vento acima de 10 km/h.
  • Balanço Hídrico
    • É a contabilização das entradas e saídas de água no solo, sendo que a sua interpretação nos dá informações de ganho, perda e armazenamento de água no solo.
  • Geada
  • Haverá ALTO Risco de Geada se:
    • Ocorreu vento, dos quadrantes oeste ou norte, nos dias anteriores;
    • Entrou forte massa polar fria, com o dia nublado e chuvoso;
    • À tarde o vento pára e a noite permanece calma, com o céu bem estrelado;
    • A temperatura do ar estiver abaixo de 7ºC às 19:00 horas ou abaixo de 4ºC às 22:00 horas;
    • A umidade relativa do ar estiver abaixo de 70% às 22:00 horas.
  • Não deverá ocorrer Geada se
    • Ocorreu vento de sudeste, contínuo, nos dois dias anteriores;
    • Ocorreu um dia bem ensolarado na véspera;
    • Estiver nublado ou com vento a noite toda;
    • Temperatura do ar acima de 12ºC às 19:00 horas ou acima de 8ºC às 22:00 horas;
    • Umidade relativa do ar acima de 90 % às 22:00 horas.

    Estações e Pluviômetros